Após denúncia de Duda Castro, Biel é acusado de agressão e assédio sexual por mais três mulheres

Redação Vida e Estilo
O cantor foi acusado por mais três mulheres d assédio e agressão (Reprodução/ Instagram/ @biel)
O cantor foi acusado por mais três mulheres d assédio e agressão (Reprodução/ Instagram/ @biel)

A acusação de agressão e assédio sexual da modelo Duda Castro ao ex-marido Biel incentivou outras jovens, que se dizem vítimas do cantor, a relatarem ter sofrido o mesmo quando tiveram contato com ele, entre os anos de 2015 e 2016, quando sua carreira estava no auge. Ao jornal “Extra”, três mulheres relataram abusos cometidos pelo funkeiro, e contaram que tiveram medo de denunciá-lo por ele ser muito famoso na ocasião dos crimes.

Sem revelar os nomes das vítimas, a publicação expôs os relatos das moças, que disseram temer algum tipo de represália por parte de Biel e sua família. “Eu fui convidada para ir à uma festa junina na casa do Biel através de um amigo dele. Teve uma hora em que chamei uma amiga para ir ao banheiro comigo. Eu fiquei na porta do banheiro. Quando ele me viu, veio correndo e me empurrou pra dentro do banheiro. Ele colocou a mão na minha bunda, queria que eu colocasse a mão ‘lá’ nele, vocês sabem aonde… E dizia: ‘vai , sua gostosa, fica comigo’. E falava coisas nojentas. Eu disse ‘sai, não vou ficar com você’. E ele, alterado, tinha bebido. Me chamou de fraca. Falei com o amigo que eu queria ir embora. (…) Até que a festa foi acabando. Ele eu já não via mais, até que ele chegou de carro e veio, subiu em cima de mim e disse fica comigo gata, e colocou as mãos embaixo da minha roupa e me empurrou com tanta força que eu saí rolando. Biel disse: ‘se você não quer ficar comigo, sua vadia, sai da minha casa’. Eu fiquei super constrangida. Eu esperei muito tempo para que acontecesse justiça. Como eu faria um BO? Ele era super famoso. Quem iria acreditar em mim? Ele tem que estar preso!”, relatou uma das vítimas.

Leia mais:
Sônia Abrão detona Gaby Amarantos e defende Silvio Santos: ‘Quer aparecer’
Marina Lima comemora 5 anos de namoro com advogada: ‘Adoro muito’

Uma modelo, que também foi vitima de Biel, relatou que se recusou a fazer sexo com ele depois de tê-lo beijado e terminou sendo agredida pelo cantor. “Ele queria transar comigo e eu não queria. Ele tentou colocar à força minha cabeça na frente das partes íntimas dele e eu não quis, comecei a xingar e falei que ia embora: ele disse que eu não servia pra nada, me expulsou do quarto, minha bolsa ficou lá. eu nem tinha dinheiro para voltar para casa, eu nem sabia onde estava. Eu disse que só queria minha bolsa, ele começou a me xingar, abriu a porta, eu peguei a bolsa e ele fechou a porta na minha mão. Fiquei bem machucada. Estava em choque. Pensei em ir direto na polícia. Por outro lado pensei, quem vai acreditar em mim? Ele com visibilidade na mídia e eu uma ninguém. Tive medo do julgamento das pessoas e deixei quieto. Hoje, vendo um monte de meninas se queixando do Biel, só me confirma que ele é um psicopata, um doente. Ele me fez sentir um lixo”, contou ela.

A terceira, vítima, uma fotógrafa que contou ter sido empurrada e ridicularizada pelo cantor enquanto trabalhava em um festival no qual ele se apresentou, revelou que também teve medo de denunciá-lo. “Não fiz o BO porque ele era famoso, eu estava começando minha carreira, e tinha medo da consequência que isso teria em cima de mim. Fiquei quieta e diante de tudo que vem acontecendo na mídia, é importante que nós mulheres nos apoiemos. A gente tem que se pronunciar. Porque não é justo! Tive um dano psicológico. Parei de trabalhar com fotografia porque me sentia incapaz. Se uma pessoa famosa me empurrou porque não acredita no meu trabalho… Eu me senti muito mal, abalada. Eu perguntava por que fui tratada daquela forma”, relatou ela.