Após graves acusações, polêmica com Yasmin Brunet termina em prisão. Entenda o caso!

Uma semana depois da formalização de denúncia de crime contra a honra, as jovens que acusaram Yasmin Brunet de envolvimento com tráfico humano foram presas nesta quarta-feira (02), nos Estados Unidos. Segundo o Splash, do UOL, os nomes das três, Katiuscia Torres, Desirre Freitas e Leticia Maia, aparecem em uma lista de detentas em um condado na Carolina do Norte.

O motivo da prisão não foi divulgado oficialmente e não existe certeza da relação com as denúncias feitas pela modelo cotada para o "BBB 23". Nas redes sociais, Yasmin comemorou a detenção e indicou que a causa pode ter sido, sim, as graves fake news propagada contra ela. "Ela já foi presa nos Estados Unidos! Vem pro Brasil que a Justiça está só esperando você chegar", escreveu a filha de Luiza Brunet, que marcou o advogado na publicação.

Yasmin ainda publicou um vídeo onde uma das presas, a influencer Katiuscia Torres, fala em alto e bom som que a internet e o Brasil são "terras de ninguém". "Todo mundo faz o que quer e ninguém paga", debochou.

"Vou fazer questão de mostrar para elas que na internet existem leis que precisam ser seguidas. Esse tipo de acusação seríssima não é uma brincadeira que você faz com alguém", defendeu Yasmin.

YASMIN BRUNET ACUSADA DE TRÁFICO HUMANO: ENTENDA A POLÊMICA

Tudo começou quando internautas notaram o sumiço de uma jovem brasileira...

Veja mais


Veja também

Yasmin Brunet é flagrada em delegacia após ser alvo de graves acusações. Veja fotos e entenda o caso
'Falsa crente': Michelle é alvo de acusações após brigas com filho de Bolsonaro. Entenda a polêmica!
Viúvo de Paulinha Abelha faz acusações graves às irmãs da cantora. Entenda a polêmica!