Após avaliações negativas, Viola Davis alfineta críticos: 'Não servem para nada'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Viola Davis credit:Bang Showbiz
Viola Davis credit:Bang Showbiz

Viola Davis lamentou as críticas que recebeu por sua interpretação de Michelle Obama na série 'A Primeira-Dama'.

A atriz, de 56 anos - que deu vida à icônica ex-primeira-dama dos Estados Unidos no seriado da plataforma Showtime -, rebateu os comentários dolorosos sobre o seu desempenho no projeto.

Em entrevista à 'BBC', a vencedora do Oscar defendeu seu trabalho, explicando que alguns críticos se aproveitam da profissão para destilar seu veneno.

"Os críticos não servem para absolutamente nada. E não estou dizendo isso para ser desagradável. Eles sempre sentem que estão lhe dizendo algo que você não sabe. Que, de alguma forma, você está vivendo em uma bolha cercada por pessoas que mentem para você, então eles acham que isso dá a eles a oportunidade de serem cruéis com você", desabafou a estrela.

Contudo, Viola encara os comentários negativos como um "risco ocupacional" de sua profissão e reiterou que nem toda atuação é digna de prêmios.

"Como você segue em frente diante da mágoa, do fracasso? Mas você precisa. Nem tudo vai ser uma performance digna de prêmios. Você fica apavorada sempre que começa um trabalho porque tem medo de ser exposta - é assim que funciona a síndrome do impostor. Com Michelle Obama, é como se todos tivessem direitos autorais sobre ela. Quando o livro dela saiu, estava em todas as listas de best-sellers. Todo mundo sabe como ela é na vida real, como ela fala, como é o cabelo dela, sabe?", explicou a estrela sobre a dificuldade de interpretar uma pessoa tão lendária.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos