Aos 20, Larissa Manoela promete clipe ousado: "Não sou mais criança"

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Lari quer mostrar que cresceu em novo trabalho (Foto: Reprodução/Instagram)
Lari quer mostrar que cresceu em novo trabalho (Foto: Reprodução/Instagram)

Larissa Manoela voltou com tudo para a carreira musical. Nesta quinta-feira (21), a artista lançará o clipe de "Me Deixa a Milhão", single que estava nos planos dela antes mesmo da pandemia. O trabalho, além de marcar o retorno de Lari para a música, mostra seu amadurecimento pessoal e profissional. Mais velha e cheia de energia, a atriz confessa que ousou no clipe para impressionar.

"Os fãs podem esperar autenticidade, umas coisas ousadas. Não esperem muito rosa, que já me seguiu a vida inteira e continua sendo minha cor preferida. Esse momento é novo. É legal poder ousar, fazer com que as pessoas também ousem. O público ficará surpreso de me ver com roupas diferentes, roupas exclusivas", adiantou, animada, em entrevista coletiva nesta terça-feira (19).

Leia também

Sobre a sensualidade, que era evitada nos trabalhos feitos na adolescência, Larissa garante que estará presente em sua "nova era". "Tenho um pouco disso na minha atitude, na minha personalidade. É legal se olhar no espelho e se achar... descobrir esses outros lados. Não sou mais uma criança. Estou prestes a completar 21 anos", afirma a atriz, que tem o apoio dos pais.

"[A sensualidade] é um lugar novo para outras pessoas, mas para mim já faz parte há muito tempo. Todo dia eu tiro foto, faço carão, me olho no espelho e falo 'você pode'. É bom trazer isso para o trabalho. Ser sensual não é só uma pose para foto. Está nas atitudes, na forma de andar, nas roupas", completa.

Ousada, mas nem tanto

A mãe de Larissa, Silvana, é quem mais se preocupa com a transição da filha para a fase adulta. Segundo Lari, a empresária acompanha tudo e não deixa de dar pitacos para não chocar o público.

"Minha mãe está sempre atenta, ela é pedagoga, professora, pensa no português correto. A gente pensa nos fãs, nos pais dos fãs. Ela pensa no que gostaria que eu ouvisse se fosse menor", explica a global, que mesmo com todo o cuidado, garante não ter medo dos julgamentos.

Na mídia desde criança, Larissa diz que é difícil "crescer na frente de todos". Com mais de 40 milhões de seguidores, ela afirma que suas redes sociais reúnem os mais diversos tipos de comentários. "Muitos julgam, outros elogiam. É algo bem peculiar. Agora faço uma análise mais completa do que leio", entrega.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos