Piscina com borda infinita em 360° causa polêmica nas redes sociais

Os planos para a construção de uma piscina com borda infinita em 360 graus despertaram reações divertidas na Internet. [Foto: Compass Pools]

Os planos para a construção de uma piscina com borda infinita em 360 graus foram recebidos com ceticismo nas redes sociais.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

A imagem, compartilhada pela CNN, mostra o design planejado da ‘Infinity London’, que será a primeira piscina do mundo com borda infinita de todos os lados em Londres, no Reino Unido

Leia também

Desenhada pela Compass Pools, a piscina de 600 mil litros ficará localizada no topo de um prédio de 55 andares. Feita de acrílico fundido e contando com piso e laterais transparentes, a piscina na cobertura permitirá que os visitantes abaixo tenham uma visão de quem se diverte dentro dela.

No entanto, apesar da imagem impressionante, os usuários do Twitter fizeram várias objeções ao conceito.

Londres vai ganhar a primeira piscina do mundo com borda infinita em 360 graus

Para alguns, é uma questão de logística básica: como as pessoas entram e saem da piscina?

Além disso, o que acontece quando as pessoas começarem a jogar água para fora?

Ninguém pode entrar, ninguém pode sair. As pessoas vistas na imagem vão morrer nesta piscina.

Eu não sei por que esta foto despertou a minha raiva, mas despertou. Como você entra? Como você sai? Se o nível da água ficar alto demais ela simplesmente escorre pelo prédio como uma casquinha de sorvete gigante derretendo? Não há sombra e nem escorregador. Isso é ostentação pura. Pior piscina do mundo.

Imagine o quanto as crianças iriam se divertir tentando molhar as pessoas andando nas calçadas lá embaixo.

Outros viram a construção como um insulto à crise imobiliária de Londres, onde os preços das propriedades estão extremamente caros.

Nós não queremos uma piscina infinita, queremos moradias com preços acessíveis

Atenciosamente,

Londrinos

Não vejo como a prefeitura poderia construir muitas casas mais acessíveis no topo deste prédio. Não se esqueçam de que se os ricos não vierem gastar o seu dinheiro os moradores locais ficam desempregados.

Alguém deu um passo à frente com suas objeções econômicas, lembrando o problema das pessoas sem teto em Londres.

Temos 170 mil pessoas sem teto em Londres, e 1 em cada 24 pessoas não tem casa em um bairro como Newham, mas ok, ótima ideia

É assim que vamos ter que entrar naquela “piscina infinita 360” em Londres. Porque dane-se ajudar os desabrigados e a economia. Vamos fazer uma piscina em vez disso!!

Uma parte de mim diz “Ohh que legal! Piscina infinita!” e outra diz “Tantas pessoas sem teto e em situação vulnerável em Londres; por que não dar um uso melhor a este dinheiro?”

Para outros usuários, a imagem digna de “pesadelos” provocou uma reação mais visceral: medo e vertigem.

Uma escotilha estilo submarino no chão da piscina com câmara de vácuo/ escadaria giratória em espiral... é bem James Bond!

A parte mais preocupante de tudo isso é a borda infinita no topo de um prédio de 55 andares. Quem tem medo de altura, distância!!

Eu odeio isso. Essa piscina vai estar nos meus pesadelos. Ela vai ficar cheia de psicopatas que não sentem medo.

Eu não suporto olhar para ela, mas continuo olhando para ela. Ela faz com que eu sinta que meus joelhos se desconectaram.

Por último - diversos usuários do Twitter questionaram - uma piscina ao ar livre, na sempre chuvosa Londres? Sério isso?

Vamos construir uma piscina caríssima, ao ar livre, na cidade com o pior clima.

Eles vão ter que comprar um sol falso.

Em Londres? Onde o verão atinge uma máxima de 21 graus que acontece uma vez ao ano, numa quinta-feira?

A construção da piscina está prevista para começar em 2020, de acordo com o site da Compass Pools, se os parceiros e empreiteiros envolvidos no projeto confirmarem o seu apoio.

No entanto, é sabido que muitos projetos ambiciosos de construção, previstos para Londres, são abandonados no último minuto – como evidenciado pelo fracasso da Garden Bridge, proposta descontinuada em 2017 após uma revisão do prefeito Sadiq Khan.

Enquanto isso, se você ainda está preocupado com a questão da entrada e saída na piscina em questão, Alex Kemsley – designer de piscinas e diretor técnico na Compass Pool – compartilhou a solução em uma entrevista no site da empresa.

“Nós enfrentamos grandes desafios técnicos nesta construção, e o maior deles seria como entrar na piscina”.

“Normalmente uma simples escada seria suficiente, mas não queremos escadas na parte externa do prédio e nem dentro da piscina, já que isso prejudicaria a vista – e obviamente não queremos 600 mil litros de água escorrendo pelas laterais do edifício”.

“A solução é baseada na porta de um submarino, juntamente com uma escadaria giratória em espiral que sobe do chão da piscina quando alguém quer entrar ou sair. Trata-se de algo absolutamente inovador no mundo do design de piscinas, com um toque de James Bond!”

Então, é isso. Para o restante das questões, não temos respostas.

Francesca Specter