Antonio Calloni critica Bolsonaro e fala em golpe: "Silêncio ou morte"

·2 minuto de leitura
Antonio Calloni está revoltado com Bolsonaro (Foto: Mauricio Fidalgo/TV Globo)
Antonio Calloni está revoltado com Bolsonaro (Foto: Mauricio Fidalgo/TV Globo)

Antonio Calloni faz parte do grupo de brasileiros que não aprova o governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Em uma publicação sobre censura envolvendo a queda do perfil de Samantha Schmütz no Instagram, o ator da Globo afirmou que "o golpe contra a democracia já começou".

"O Sr. 'Esse Negócio Daí' (Jair Bolsonaro) está destruindo as instituições, os órgãos reguladores e cooptando uma parte do 'pessoal armado'. Mas ainda podemos falar, agir, protestar e reivindicar, dentro da ordem democrática, com firmeza, sem violência e na paz. Se o golpe se consumar completamente só nos restará o silêncio ou a morte. Quem se cala é cúmplice", disparou ele.

Leia também:

Em resposta a uma apoiadora do presidente, que não concordou com a fala de Calloni, o ator afirmou que Bolsonaro está "apavorado com a queda constante de apoio". "Cada vez mais descontrolado e fragilizado. Ele tem baixa autoestima, sabe que é medíocre e se ressente disso. Você concorda com alguém que espalha doença e morte?", publicou.

Em seu perfil, Antonio tem feito muitos protestos contra Bolsonaro. Assim como ele, famosos demonstram insatisfação na internet e exigem posicionamento daqueles que se calam. Recentemente, por exemplo, Juliana Paes foi atacada por ter ficado "em cima do muro". A atriz se explicou, foi elogiada por alguns, mas o clima entre a classe artística segue pesado.

Entenda o caso Samantha Schmütz

Samantha não está "passando pano" para nenhum amigo famoso e foi por causa disso que perdeu sua conta do Instagram neste domingo (13). Além de já ter criticado o luto de alguns artistas após a morte de Paulo Gustavo, ela publicou uma indireta nos Stories. "Tem muito famoso se passando por artista somente para vender shampoo! Se liguem", escreveu.

Internautas entenderam que o post se tratava de uma alfinetada em Juliana Paes, que fez publicidade de shampoo há poucos dias, e já brigou com Samantha por causa de política. Depois disso, o perfil de Schmütz foi tirado do ar e ela protestou no Twitter. "Desativaram minha conta do Instagram! Querem me enterrar, mas esqueceram que sou semente!".

Anônimos e famosos protestaram para que ela voltasse a usar a rede social. Mais tarde, em nota, o Instagram informou que cometeu um erro. Schmütz, por sua vez, agradeceu o apoio dos manifestantes e voltou a questionar o motivo pelo qual foi afastada.

"Obrigada pelo apoio de todos que se mobilizaram contra a censura que sofri. Me questiono sobre o porquê da minha conta ter sido banida desta forma. Estamos vivendo tempos estranhos que precisam da nossa atenção. Antes de ser artista, sou uma cidadã e me posiciono há muito tempo. Mas, ultimamente, as reações têm sido diferentes. Por que os meus questionamentos têm incomodado tanto?", questionou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos