Antes de "Iluminadas": relembre a carreira internacional de Wagner Moura

Wagner Moura em
Wagner Moura em "Narcos", "Sergio" e "Elysium". Foto: Divulgação/Netflix/TriStar Pictures

Resumo da notícia:

  • Wagner Moura é internacional muito antes de estrelar "Iluminadas" com Elisabeth Moss

  • Brasileiro constrói seu nome fora do país há alguns anos com direito a indicação ao Globo de Ouro

  • Produções do streaming e das telonas fazem parte da lista de sucessos

Wagner Moura voltou aos holofotes internacionais como estrela da mais nova série da Apple TV+. Em parceria com Elisabeth Moss, o ator brasileiro é um jornalista investigativo em "Iluminadas", trama disponível na plataforma desde a última sexta-feira (29). Mas você conhece a trajetória internacional do artista antes de contracenar com um dos grandes nomes dos Estados Unidos?

Aos 45 anos, o ator nascido em Salvador, capital da Bahia, constrói um legado fora do Brasil há quase uma década e já chamou a atenção do mundo com algumas produções, que variam entre séries e filmes, além de ter feito uma ponta como diretor para a Netflix.

Após conquistar o público brasileiro como o eterno Capitão Nascimento de "Tropa de Elite", o astro das telonas chegou a estar entre os indicados ao Globo de Ouro de 2016 com uma inesquecível nomeação para Melhor Ator em Série de Drama. Relembre todos os trabalhos internacionais de Wagner Moura:

ELYSIUM (2013)

Sua estreia em um grande papel aconteceu em "Elysium", lançado em 2013. Na trama futurística, o brasileiro contracenou com nomes como Matt Damon, Jodie Foster e a compatriota Alice Braga. O longa contou com Moura no papel de Spider, um amigo de longa data de Max, vivido por Damon, que entra em uma batalha pelo destino da humanidade para tentar se curar de um acidente.

TRASH: A ESPERANÇA VEM DO LIXO (2014)

Ambientado no Brasil, "Trash: A Esperança Vem do Lixo" trouxe Moura com um sotaque estrangeiro no enredo baseado no livro homônimo de Andy Mulligan. Ao lado de Rooney Mara, Martin Sheen e o também brasileiro Selton Mello, o ator viveu José Ângelo, que entrega um código milionário para garotos pobres de um lixão antes de morrer.

NARCOS (2015 - 2016)

Há um bom tempo longe das novelas brasileiras, Wagner Moura deu um passo largo para o mercado exterior quando passou a protagonizar a série "Narcos" para a Netflix. Entre 2015 e 2016, o brasileiro foi o personagem principal da produção no papel do traficante Pablo Escobar ao contar a história real de seu cartel de drogas na Colômbia. O sucesso lhe rendeu uma inesquecível indicação ao Globo de Ouro 2016 para a categoria de Melhor Ator em Série Dramática.

NARCOS: MEXICO (2018 - 2021)

Dois anos depois, Moura voltou a viver Pablo Escobar para a edição "México" ao participar de dois episódios da trama focada no cartel de Guadalajara, um em 2018 e outro em 2021. Além de atuar, o baiano fez uma ponta como diretor ao comandar a terceira temporada da produção.

WASP NETWORK: REDE DE ESPIÕES (2019)

Em 2019, Wagner integrou o elenco de "Wasp Network: Rede de Espiões", thriller da Netflix estrelado por Penélope Cruz, Édgar Ramírez, Gael García Bernal e Ana de Armas. Na trama baseada em história real, espiões cubanos se infiltram em grupos de exilados para deter o terrorismo contra Cuba.

SERGIO (2020)

No ano seguinte, o ator voltou a protagonizar uma grande produção da Netflix. Em "Sergio", Wagner encarna o diplomata brasileiro Sérgio Vieira de Mello durante a invasão dos Estados Unidos ao Iraque. O filme retrata a missão mais delicada da carreira do internacionalista.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos