Anna Paula vence MasterChef e diz que vai investir prêmio de R$ 25 mil nos estudos da filha

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Foi ao ar na noite desta terça-feira (29), a grande final do MasterChef Brasil, que por causa da pandemia do novo coronavírus, ganhou uma edição especial neste ano. Os 23 participantes que saíram vitoriosos ao longo do reality, voltaram a competir para definir quem seria o ou a MasterChef Supremo. Após muito esforço, a arquiteta Anna Paula, 49, saiu como a grande campeã do programa. Ela que competiu no 2º episódio desta 7º temporada, e saiu com a vitória, conquistou o prêmio de R$ 25 mil e o título do programa. Ela também ganhou dispositivos inteligentes da Amazon para automatizar sua casa. Natural de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, Anna Paula preparou um risoto de couve-flor e farofa de pão com aliche no primeiro desafio. Já na segunda etapa, prova decisiva, elaborou uma receita de camarão com chuchu e molho de moqueca, servido com arroz puxado na manteiga com amendoim. Na opinião da vencedora, o seu diferencial foi a autenticidade. "Queria que os meus pratos representassem a minha essência", disse. Apesar da autoconfiança, Anna Paula admitiu que a disputa foi tensa e acirrada. "Era uma incógnita. Qualquer um poderia vencer". A competidora disse que irá destinar o dinheiro do prêmio para os estudos da filha Clara, 17. Mas além disso, ela também pretende investir no seu próprio negócio. "Quero esperar a ficha cair e estruturar um espaço para trabalhar com delivery de comida em casa", contou ao portal da Band. Parao chef Henrique Fogaça, o programa conseguiu transformar a vida de muitas pessoas. "A temporada de 2020 foi diferente, mas julgamos a comida como um todo. Todas as receitas, sejam elas mais elaboradas ou não, precisam estar bem harmoniosas, temperadas e muito bem apresentadas. Não tem muita distinção em cada vertente. O MasterChef é uma porta muito importante de transformação, inspiração e mudança."