Andressa Urach diz que decepção com igreja foi pior que o caso do hidrogel

Bárbara Saryne
·2 minuto de leitura
Andressa Urach conversou com o Yahoo em live (Foto: Reprodução/Instagram/@andressaurach)
Andressa Urach conversou com o Yahoo em live (Foto: Reprodução/Instagram/@andressaurach)

Andressa Urach pegou ranço de religiosos. A vice-miss bumbum, que deixou a Igreja Universal após uma decepção, revela que o trauma foi tão grande que a deixou no fundo do poço. Em um bate papo com o Yahoo na noite desta quinta-feira (18), Urach contou que a experiência foi pior que a dor causada pelo hidrogel.

"O meu fundo do poço na época (do caso hidrogel) foi porque estive de frente com a morte. Quando você está em cima de uma cama de hospital você pode ter o dinheiro que for que não escapa (...) Sofri muito e mudei como ser humano", lembra a modelo, que em busca do corpo perfeito injetou 200 vezes mais hidrogel que o usual.

Leia também

Andressa Urach no hospital (Foto: Reprodução/Instagram)
Andressa Urach no hospital (Foto: Reprodução/Instagram)

A experiência de quase morte foi um divisor de águas, mas não se compara ao abalo que Andressa diz ter sofrido recentemente. Após anos de dedicação à igreja, a influenciadora afirma que precisou de atendimento psiquiátrico e se arrependeu de ter doado todo o seu dinheiro para a instituição.

"O segundo fundo do poço (saída da igreja) foi porque confiei em algo que não tinha que ter confiado. Aí a decepção é pior. Quando a gente bota confiança no homem a gente se decepciona. Burra fui eu", afirma, sem dar nomes ou citar situações específicas que ocorreram na Universal.

Embora muitas pessoas questionem, Urach não pretende expor tudo que rolou quando estava na igreja. Ela diz que os religiosos diriam que estão sendo perseguidos e a chamariam de "diabo". "Não preciso ser um robô ou um personagem que a religião cria. A religião faz robôs e deixa as pessoas com medo como se Jesus fosse matar", desabafa.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Longe da igreja e perto de Deus

Andressa Urach garante que ter saído da Universal não a fez perder a fé. Por muito tempo, a modelo se considerou fanática e agora acredita que encontrou o ponto de equilíbrio sem rótulos e medo de julgamentos.

"Jesus não é uma religião, um tijolo, um CNPJ. Ele é muito maior que isso. Todos são pecadores e costumo dizer que sou a maior delas (...) Em 2014 passei por aquela experiência sobrenatural que foi um divisor de águas na minha vida. Sei que quando eu morrer ele vai salvar minha alma porque ele veio para salvar os pecadores", afirma.

Sócia do Miss Bumbum, Andressa diz que participar de concursos de beleza não afetam seu relacionamento com Deus. A modelo continua orando e lendo a Bíblia todos os dias: "Não tenho mais medo da morte, sei que Jesus vai me perdoar. Ele me ama do jeito que sou".