Até Ana Vilela desistiu de 2020, e a web não sabe lidar: "Trem-bala passando por cima"

Giselle de Almeida
·2 minuto de leitura
A cantora Ana Vilela. Foto: reprodução/Instagram/anavilela
A cantora Ana Vilela. Foto: reprodução/Instagram/anavilela

Os versos otimistas de “Trem-Bala”, canção-chiclete de Ana Vilela que viralizou há alguns anos e até hoje é lembrada por fãs e haters, são coisa do passado. E quem garante é a própria autora da música, Ana Vilela. Numa mensagem bem-humorada (ou não) publicada no Twitter, a cantora e compositora provou que o ano de 2020 está sendo um desafio até mesmo para quem procura ver o copo meio cheio.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

“Gente, esquece o que eu disse, negócio de ‘segura teu filho no colo laia laia laia’. O mundo é um lugar horrível, eu desisto”, escreveu a artista.

Leia também:

A provocação rendeu uma série de respostas hilárias de quem também já chegou ao limite num ano de pandemia e sem data para a crise acabar.

“O trem-bala tá passando por cima da gente”, comentou uma seguidora. “Até tu, Vilela?”, questionou outra. “Fui rir e chorei”, disse uma terceira.

“Me lembrou o Martinho falando que cansou de cantar que a vida vai melhorar”, acrescentou um fã.

Ana acompanhou a repercussão da mensagem e resolveu “se justificar” para não causar nenhum mal-entendido.

“Amo vocês dando RT nesse tweet falando ‘mas se até a Ana Vilela desistiu, quem sou eu?’. Gente eu não sei a impressão que eu tô passando, mas eu fui a primeira a desistir, não me usem como parâmetro”, disse.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube