Ana Maria apresenta Mais Você com boneco do Louro José no colo

·2 minuto de leitura
*ARQUIVO* Ana Maria Braga e seu colega de programa, o Louro José, interpretado por Tom Veiga. (Foto: Daniel Guimarães/Folhapress)
*ARQUIVO* Ana Maria Braga e seu colega de programa, o Louro José, interpretado por Tom Veiga. (Foto: Daniel Guimarães/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Pela primeira vez desde a morte de Tom Veiga, Ana Maria Braga, 71, voltou a interagir com o boneco Louro José, na manhã desta segunda (9), no Mais Você. "Ele veio aqui hoje para matar a minha saudade. Só de estar perto dele, sinto que estou acariciando o Tom", disse ela. O ator e humorista que dava vida ao papagaio morreu no domingo (1º) após um AVC (acidente vascular cerebral) hemorrágico provocado por um aneurisma.

O boneco ficou no colo da apresentadora durante o programa. "A gente quer agradecer ele de ter vindo aqui nessa manhã falar com a gente. Ele não está falando, né. Mas está pensando na gente. Tenho certeza", completou.

A apresentadora conta que sonhou com Tom Veiga e que, segundo o seu sonho, o ator foi "muito bem recebido". "Lembra que Nossa Senhora disse que ia receber ele lá na portaria? Ele tem um amor muito grande por esse papagaio. E pensar tudo isso começou em um dia de chuva aqui em São Paulo, quando fiz um rascunho desse que seria meu filho", relembrou ela sobre como idealizou o personagem.

Ana Maria também disse não saber ainda qual será o futuro do boneco. "O Louro existe e aqui está ele. Às vezes a gente tem a realidade e tem a ficção. Na maioria das vezes, se transforma em uma coisa só. Tanto que é que a gente não gostava de ver o boneco do Louro guardado na caixa. Tomei a liberdade de trazer o Louro José", afirmou.

O Mais Você mostrou ainda como funcionava o trabalho de Veiga para manipular o boneco do papagaio. Ele ficava em um espaço equipado com cadeira e uma tela que mostrava as imagens captadas pelas câmeras do programa.

MORTE

Veiga foi encontrado morto no domingo (1º), em sua casa na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio. Ele tinha 47 anos e deixou quatro filhos. Louro José foi idealizado em 1996 por Ana Maria Braga. Na época, ela apresentava o Note e Anote, na Record, e ele era assistente de estúdio do programa. Ana Maria testou diversas pessoas, tanto da equipe quanto do meio artístico, mas Tom Veiga se destacou e ficou no papel.