Ana Cañas revida ataque machista: "Não vamos mais tolerar essa violência"

Ana Cañas. Foto: reprodução/Instagram/ana_canas

Após sofrer um ataque machista no Instagram, a cantora Ana Cañas fez questão de responder a ofensa e denunciar o agressor. Não é a primeira vez que a artista, assumidamente feminista, recebe críticas misóginas nas redes, e ela faz questão de se manifestar publicamente sobre o assunto.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

“Vejam como esse ser (humano?) se refere ao meu órgão sexual — ao meu e ao de todas as mulheres, presumo. Tem também a clássica fala patriarcal: mulher feminista ou homo/ bissexual é 'mal comida'. E que 'ninguém' (ele pressupõe representar o todo, óbvio) está ligando para o gozo das mulheres. Sim, nós sabemos disso”, escreveu.

Leia também:

A cantora continuou o texto afirmando que posturas como a do autor da ofensa não serão admitidas. “Sabemos dessa m... toda que vocês reproduzem e não vamos mais tolerar essa violência. Por isso lutamos. Por isso exponho. Por isso denunciamos homens como você, homens escrotos que abusam, que nos violentam. Se é capaz de escrever isso, imagino o que não seja capaz de dizer à sua parceira. Ou o que seja capaz de fazer com uma mulher que o contrarie”, analisou.

Ana recentemente foi atacada em um show na Bahia, por cantar músicas com letras feministas: ela foi atingida por ovos durante a apresentação. A própria artista diz ter perdido 10 mil seguidores no Instagram por causa de suas opiniões a favor da igualdade de gêneros. Mesmo assim, escolheu continuar se posicionando.

“Exponho para que todxs vejam o quanto a violência contra a mulher é real. Somos vítimas disso todos os dias nesse país. Denunciei o perfil e aguardo a exclusão. Não me calarei jamais”, finalizou.

A publicação ganhou o apoio de muitos seguidores, homens e mulheres, que ficaram horrorizados com o teor das ofensas. “Se esconde atrás de um fake de tão covarde que é. Com certeza te olhando nos olhos ficaria quietinho”, comentou uma admiradora. “Não nos calaremos!”, garantiu outra. “Que sujeito nojento. Nem sei o que comentar, a não ser lamentar e dizer que, sim, o feminismo é fundamental! Força aí, guerreira!”, comentou um fã.