Update privacy choices
Vida E Estilo

Xingada por Luiza Brunet, funcionária pública decide processá-la

Yahoo Vida e Estilo
Ana Carolyne entrará com um processo contra Luiza Brunet por racismo, injúria e difamação (Reprodução/ Instagram/ @anacsteiner)

Protagonista de uma polêmica envolvendo Luiza Brunet, Ana Carolyne Steiner, de 28 anos, decidiu processar a ex-modelo depois de ter sido xingada por ela no Instagram. A funcionária pública afirma que a Luiza reagiu mal depois que ela comentou em um dos posts de Brunet que “namoro não gera união estável” – referindo-se à decisão da Justiça, que negou o pedido da ex-modelo de reconhecimento de sua relação com o empresário Lírio Parisotto.

Em resposta ao comentário, Luiza Brunet fez um post agressivo que viralizou na rede social, pelo qual ela chegou a pedir desculpas. “Vadia, vai se informar. Você viveu comigo e com o espancador? Não lembro de você. Você era a faxineira metida, hein? Antes que me esqueça: cuida da tua vidinha“, escreveu a ex-modelo. Ao “UOL”, Ana Carolyne Steiner contou que pretende processar Luiza, inclusive por racismo.

Leia mais:
Eliana revela que já recusou proposta de trabalho na Globo
Tata Werneck sobre filhos: ‘Pretendo engravidar em dois anos’

“Fiquei chocada porque nunca havia sofrido esse tipo de ofensa e preconceito, ainda mais de uma pessoa pública, ativista, e defensora das mulheres. Eu não a agredi, só falei a minha opinião. “Por eu ser negra, ela me colocou numa situação pejorativa. Foi racismo. Se eu fosse branca, com certeza ela não diria que tenho ‘cara de empregada. Meu advogado entrará com um processo por racismo, injúria e difamação. Se tivesse feito uma crítica normal, tudo bem, mas ela ofendeu a minha honra. Que pense nas consequências antes de falar as coisas”, declarou Ana Carolyne Steiner.

Reações

Leia também