Update privacy choices
Vida E Estilo

Um cavalo miniatura chamado Hope faz rondas e alegra pacientes no centro médico infantil

Yahoo Vida e Estilo
Um minicavalo chamado Hope (Esperança, em inglês) visita crianças no Kaiser Permanente Medical Center em Roseville, Califórnia. (Foto: Marlei Martinez, Conta verificada via Twitter)

Na tarde de terça-feira, as crianças do Centro Médico Kaiser Permanente Roseville, em Roseville, Califórnia, EUA, foram visitadas por um convidado especial, que fazia sua ronda. Hope, um cavalo miniatura de terapia emocional, animou os pacientes e suas famílias, enquanto caminhava pelo hospital.

De acordo com o KCRA de Sacramento, pelo menos uma dúzia de crianças, com diferentes condições, puderam conhecer o cavalo.


Kaiser Medical Center encoraja a cavalgada! Nós lhe diremos por que em @kcranews pic.twitter.com/QLANDB2ZN7

Hope, o cavalo miniatura, está visitando crianças no Kaiser Medical Center hoje! Muitas delas sofrem de câncer. Mas hoje, elas estão cheios de Esperança. @kcranews

Michael, um menino de 2 anos que sofre de uma doença das células sanguíneas, gostou tanto do pequeno cavalo que nem se importou com sua infusão intravenosa. “Ele ama animais. Está muito empolgado só de ver o cavalinho”, disse sua mãe, Katrina Martinez, à KCRA. “Ele nem olhou para a infusão intravenosa – nem uma vez. Antes do cavalo chegar, ele queria arrancar o acesso.

Este é o primeiro mês em que o hospital incluiu um cavalo em seu programa de terapia animal, que normalmente utiliza cães e gatos, mas não é o primeiro rodeio de Hope, de 5 anos de idade.


“Hope” o cavalo! Uma história edificante para o @kcranews cobrir. Este doce cavalo miniatura circulou hoje pelo Kaiser Medical Center, visitando crianças doentes, muitas delas com câncer.

Eu acredito que o cavalo tem um ótimo nome. Essas crianças precisam desse apoio moral.

Hope fez sua estreia em 2014, como membro da Paws on Call, quando visitou o Sutter Medical Center em Sacramento, Califórnia. Com a ajuda de sua dona, Lisa Schaeffer, Hope venceu seu medo de elevadores, aprendeu a andar com um arreio, tornou-se comportado em situações sociais e até aprendeu um pouco de etiqueta, pois “se expressar” em um corredor do hospital pode ser um pouco reprovável.

Schaeffer treina cavalos há 35 anos e, com o marido, Ken, adotou Hope justamente para que ele pudesse se tornar um cavalo de terapia. “Esse é o chamado que recebemos”, disse Schaeffer ao Sacramento Bee. “Eu não consigo nem explicar como é maravilhoso. Acho que é a melhor coisa da qual eu já fiz parte.”

Siga mais das aventuras de Hope em sua página no Facebook, Sharing the Hope.

Hope Schreiber

Reações

Leia também