Update privacy choices
Vida E Estilo

Os pais devem comprar uniformes escolares novos todos os anos?

Yahoo Vida e Estilo
É preciso comprar tudo novo quando as crianças retornam à escola? [Foto: Getty]

Uma mãe deu início a um debate online sobre a necessidade de comprar uniformes novos no começo de cada ano escolar.

Em uma publicação no site de maternidade Mumsnet, a mulher explicou que seus filhos acreditam que ela está sendo insensata ao se recusar a comprar uniformes e outros materiais novos.

“Eu substituí algumas roupas que não cabem mais neles ou que estão muito acabadas, mas muitas coisas ainda servem e podem ser usadas,” escreveu a mãe.

“Comprei lancheiras no verão passado, então elas são praticamente novas. As garrafas de água e as mochilas também são do ano passado e ainda estão ótimas”.

A mãe continuou dizendo que seus filhos a chamaram de “malvada” e alegam que todos os seus amigos vão voltar à escola com tudo novo.

Ela terminou seu post perguntando se todos os pais e mães trocam todo o material e os uniformes de seus filhos uma vez por ano.

Muitos usuários do site concordaram que não é necessário ter um jogo completo de uniformes novos no começo de cada ano escolar.

“Eu substituo o que precisa ser substituído, mas não troco tudo. Que desperdício,” escreveu uma pessoa.

“Nós compramos coisas novas, segundo a necessidade,” outra concordou. “Trocar tudo, todos os anos, seria um desperdício monumental de dinheiro, além de ensinar às crianças que os objetos são descartáveis”.

“Roupas e sapatos são guardados para os irmãos mais novos e substituídos quando não podem mais ser usados. Mochilas, itens de papelaria e lancheiras são trocadas quando ficam gastos demais. Estes objetos costumam durar alguns anos”.

Algumas pessoas sugeriram que a mãe explicasse aos seus filhos que comprar uniformes novos sem necessidade é ruim para o meio ambiente.

“Fale sobre o meio ambiente e o desperdício. As crianças aprendem muito sobre isso na escola atualmente, e funciona,” sugeriu um usuário.

“Os meus filhos abandonaram a sua amada Nutella por causa do óleo de palma! É loucura trocar coisas que estão em bom estado, mas muitas crianças vão ter tudo novo porque seus pais pensam de forma diferente”.

Apesar do apoio recebido, algumas pessoas acreditam que é preciso ter tudo novo para voltar à escola.

“Os meus ganham ‘tudo’ novo no começo de cada ano escolar,” uma usuária escreveu.

“Eu cresci sendo a criança que precisava usar tudo até o final (o que significava que tinha que usar calças com furos e buracos), e não era nada divertido. Eu era uma presa fácil para o bullying!!!”

“Eu sempre farei tudo que for preciso para que os meus filhos não precisem detestar ir à escola por não terem roupas decentes para vestir. Sei que esta questão é minha, mas isso não muda a forma como eu me sinto em relação ao assunto,” continuou a pessoa.

“Eu gosto que os meus filhos usem tudo novo no primeiro dia de aula,” disse outra mãe. “Assim, eles parecem elegantes. Aproveito algumas coisas do ano passado, que ainda servem e não têm manchas, a partir da segunda semana”.

Alguns pais compram uniformes novos para seus filhos todos os anos [Foto: Getty]

Algumas pessoas decidem o que comprar com base no que seus próprios pais faziam nesta época do ano.

“Eu costumava ganhar novos itens de papelaria e um estojo novo, além de uma mochila e sapatos todos os anos,” explicou um usuário.

“A minha mãe queria que nós ficássemos animados com o começo das aulas, e essa estratégia funcionava. Os pais do meu marido não faziam isso, mas acho que ele não ligava”.

Na semana passada uma pesquisa realizada pela Children’s Society revelou que, na Inglaterra, 1 milhão de crianças vivem em famílias que contraem dívidas para arcar com os custos cada vez maiores dos uniformes escolares.

Isso corresponde a 13% dos pais, um aumento significativo em comparação com os 7% identificados em 2015.

Para tentar amenizar a situação, bancos de alimentos estão oferecendo uniformes escolares doados, de forma a permitir que famílias com dificuldades financeiras consigam as peças necessárias para seus filhos.

O relatório da Children’s Society, The Wrong Blazer 2018, indica que os pais ingleses estão gastando, em média, £340 (equivalente a R$1.800) por ano em uniformes para cada filho do ensino secundário, e £255 (cerca de R$ 1.300) por criança no ensino primário.

A instituição disse que, de cada 20 pais consultados, mais de um já teve o filho enviado de volta para casa por usar a roupa ou o sapato “errado”, devido às dificuldades da família para comprar as peças apropriadas.

Reações

Leia também