Update privacy choices
Vida E Estilo

Depois de demissão de diretor, ator de 'Guardiões da Galáxia' diz que pode deixar franquia

Yahoo Vida e Estilo
(Imagem: divulgação Disney/Marvel)

Dave Bautista é o ator de ‘Guardiões da Galáxia’ mais incomodado com a demissão do diretor James Gunn. Responsável por interpretar o personagem Drax na franquia, ele vem fazendo duras críticas à Disney por ter dispensado o cineasta e agora diz estar em dúvida se quer continuar no projeto.

“É uma conversa amarga, porque eu não estou realmente feliz com o que eles fizeram com James Gunn”, declarou Bautista durante o final de semana, em aparição no talk show de Jonathan Ross, na TV britânica. “Eles estão colocando o filme no limbo. Está em pausa, indefinidamente. Para ser honesto com você, não sei se quero trabalhar para a Disney.”

A fala do ator vai em linha com outra entrevista dada na última semana, para o site Hey U Guys, onde garantiu que não teme ser demitido por conta do apoio ao diretor. “Eu estou ciente de que meu posicionamento pode custar meu trabalho, que eu gosto muito, mas ao mesmo temo é uma questão de integridade, uma questão de lealdade”, disse.

“As coisas são como são e se isso custar o meu emprego, acontece. Eu sempre digo que você não pode ameaçar um homem pobre com pobreza. Eu cresci pobre, e sei o que é isso. Não tenho medo de perder dinheiro, isto não significa nada para mim. Eu vou lutar em quintais na frente de 10 pessoas se é isso que preciso para viver. Não vou ser flexivel com a minha integridade”, concluiu.

Em julho, James Gunn foi demitido por conta de uma série de tweets antigos, redescobertos recentemente, nos quais fazia piadas com pedofilia e racismo. O elenco de ‘Guardiões da Galáxia’ chegou a publicar uma carta aberta em defesa do cineasta, mas a Disney manteve a decisão. A produção do terceiro filme do grupo de heróis, inicialmente previsto para 2020, foi interrompida por tempo indeterminado no final de agosto.

Reações

Leia também