Amigo dos artistas, Mumuzinho descarta “BBB”: “Não me daria bem”

·3 min de leitura
O cantor mumuzinho gravou o DVD 'Resenha do Mumu' no Rio de Janeiro e contou com a participação de Zé Vaqueiro, Luísa Sonza, Dilsinho e mais (foto: Roberto Filho / Brazil News)
O cantor mumuzinho gravou o DVD 'Resenha do Mumu' no Rio de Janeiro e contou com a participação de Zé Vaqueiro, Luísa Sonza, Dilsinho e mais (foto: Roberto Filho / Brazil News)

Resumo da Notícia:

  • Mumuzinho gravou seu novo DVD com participações especiais no Rio de Janeiro 

  • O cantor acredita que não seria um bom participante do Big Brother Brasil

  • A edição de 2022 do reality show começa na próxima segunda-feira (17) 

Mumuzinho é um dos artistas mais querido e bem relacionados do país, mas não é por isso que se seria um bom participante de um reality show como o “Big Brother Brasil”, em palavras dele. O cantor conversou com o Yahoo! durante a gravação de seu novo DVD, o “Resenha do Mumu”.

“Não me daria bem lá, não conseguiria ficar trancado dentro de uma casa assim. Sou da rua, do povo. Gosto de estar em vários lugares, viajando para lá e pra cá, fazendo show. Acho que não conseguiria ficar lá, jogar... Mas vou lá pra cantar, que é melhor”, revelou.

O artista reuniu amigos e fãs para gravar o DVD “Resenha do Mumu” nesta quarta-feira (12), no Rio de Janeiro. O projeto contou com a participação de Luísa Sonza, Dilsinho, Zé Vaqueiro, Ferrugem, Tiee e o grupo Molejo.

Com exigência do comprovante de vacinação na entrada, mas se a cobrança do uso de máscaras no local da gravação, que tinha teto, mas era aberto, Mumu falou sobre as futuras apresentações durante o Verão com o aumento de casos de covid-19 no Brasil.

“Não vamos fazer nenhum projeto de rua. Todos nos nossos shows as pessoas precisam estar vacinadas e testadas, com exame, tudo direito. Não vamos fazer nada que esteja fora das regras sanitárias para garantir a segurança de todo mundo”, afirmou.

Ele ainda ressaltou que a explosão de novas contaminações decorrente da variante ômicron faz lembrar a suspensão dos eventos nos últimos dois anos. “Parar novamente me assusta, mas graças a Deus todo mundo está vacinado. Tenho certeza que com a imunização vai amenizar muito a contaminação de coronavírus. E temos que incentivar aas pessoas a se vacinarem, quem ainda não fez”, alertou.

O projeto é uma coleção de 20 faixas que mostram a desenvoltura do artista ao trabalhar com artistas de estilos variados. O trabalho revisita alguns de seus maiores sucessos, como “Playlist”, “Fulminante, Pra você acreditar, A carta, Baratinar” e “Eu Mereço Ser Feliz”, e também inclui oito faixas inéditas.

Dirigido por Fernando Catatau, ele foi gravado com vista para a Lagoa da Barra da Tijuca, na Zona Oeste da cidade. O resultado deve chegar aos olhos do público até a metade de 2022. Ele seria gravado em novembro de 2021 e foi adiado por conta da trágica morte de Marília Mendonça e outros problemas.

É uma alegria grande realizar o sonho de poder registrar esse momento. Idealizamos muito gravar esse DVD que é o que as pessoas sentem saudade: fazer uma resenha. Juntar as pessoas que se ama, bater papo, ouvir música”, contou ao Yahoo!.

E completou: “A pandemia veio para amadurecer todo mundo, colocar as coisas no lugar. A hora de gravar esse DVD é exatamente agora, para lançarmos no meio do ano, e dar continuidade à música que não pode parar”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos