Amber Heard diz que não culpa júri por ter dado vitória a Johnny Depp

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
***ARQUIVO***RIO DE JANEIRO, RJ, 24.09.2015 - O ator e guitarrista da banda Hollyhood Vampires Johnny Depp. (Foto: Ricardo Borges/Folhapress)
***ARQUIVO***RIO DE JANEIRO, RJ, 24.09.2015 - O ator e guitarrista da banda Hollyhood Vampires Johnny Depp. (Foto: Ricardo Borges/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em sua primeira entrevista desde o fim do julgamento que a tornou alvo de um processo movido por Johnny Depp, Amber Heard afirmou que não culpa o júri pelo veredito, que deu vitória ao seu ex-marido. Em conversa com a jornlista Savannah Guthrie, que foi ao ar nesta segunda-feira (13) no programa Today, do canal de TV americano NBC, a atriz também classificou como injusta a atuação das redes sociais no caso.

"Eu não os culpo", disse Heard em referência ao júri. "Eu realmente entendo. Ele é um personagem amado e as pessoas sentem que o conhecem. Ele é um ator fantástico", ela declarou sobre Depp.

O veredito do processo se desenrrolou em um tribunal no estado americano da Vrgínia por mais de seis semanas. O resultado condenou Heard a pagar uma indenização de cerca de US$ 15 milhões por uma acusação de difamação do ex-marido após ela ter publicado um artigo de opinião no jornal Washington Post em 2018. No texto, ela diz ter sido vítima de violência doméstica quando os dois viviam juntos.

"Eu não me importo com o que alguém pensa sobre mim ou quais julgamentos você quer fazer sobre o que aconteceu na privacidade da minha própria casa, no meu casamento, a portas fechadas", afimou Heard sobre a exposição do caso na mídia. "Eu não presumo que uma pessoa comum deva saber dessas coisas. E por isso não levo para o lado pessoal."

Heard foi intensamente atacada por fãs de Depp nas redes sociais durante as seções no tribunal, e sua defesa argumenta que tal atuação influenciou o júri. "Mesmo alguém que tem certeza de que eu mereço todo esse ódio, mesmo que você pense que estou mentindo, você ainda não pode me olhar nos olhos e me dizer que acha que nas mídias sociais houve uma representação justa", afirmou a atriz na entrevista.

Semanas atrás, uma representante do time jurídico de Heard veio a público anunciar que a atriz vai recorrer do veredito e que ela não tem dinheiro suficiente para pagar o marido.

As afirmações mais recentes de Heard são parte de entrevista da atriz ao canal NBC que ainda será publicada de modo completo nesta terça-feira (14).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos