Amanda Seyfried fala do assédio dos fãs após "Meninas Malvadas": "nojento"

US actress Amanda Seyfried arrives for Variety's 2022 Power of Women at the Glasshouse in New York, May 5, 2022. (Photo by ANGELA WEISS / AFP) (Photo by ANGELA WEISS/AFP via Getty Images)
Amanda Seyfried (mulher branca, de cabelo loiro; veste blusa de azul claro) acena para os fotógrafos em evento realizado em maio de 2022 (Foto: ANGELA WEISS/AFP via Getty Images)

Resumo da notícia:

  • Amanda Seyfried sofreu com assédio de fãs homens após "Meninas Malvadas"

  • "Era simplesmente nojento", relembra a atriz, hoje aos 36 anos

  • Para fugir da fama, estrela mora em uma fazenda em uma região montanhosa dos EUA

Amanda Seyfried se tornou famosa muito cedo graças ao sucesso de "Meninas Malvadas" (2004), um clássico do início dos anos 2000. Ser reconhecida nas ruas, porém, também teve um lado negativo na vida da atriz: o assédio de fãs muito inconvenientes.

Em entrevista à Marie Claire, a atriz, hoje com 36 anos, lembrou do constrangimento sofrido sobretudo por causa de um momento do longa - o instante que a personagem dela, Karen, faz uma previsão do tempo tocando os próprios seios (confira abaixo trechos das principais cenas dela no filme).

Na época, homens chegavam a abordá-la lembrando da cena. "Eu sempre senti que isso era um pouco nojento. Eu tinha, sei lá, 18 anos de idade. Era simplesmente nojento", lamentou Seyfried, vista recentemente na série "The Droupout" na plataforma de streaming Star Plus.

"Acho que ser muito famoso muito jovem é péssimo. Faz você se sentir muito inseguro no mundo. Vejo atores muito jovens que precisam ter uma equipe de segurança, e um assistente, e tem o seu mundo virado de cabeça para baixo", analisou.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Para fugir do assédio, Amanda decidiu buscar abrigo no campo. Diferente de outros astros de vida urbana, ela mora em uma fazenda na região montanhosa de Catskills, em Nova York, nos Estados Unidos. "É estressante, então eu fugi. Eu pensei: 'Vamos fazer o contrário disso'", finalizou a estrela.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos