Zuleica em "Pantanal", Aline Borges conta que já viveu relacionamento abusivo

Zuleica em
Zuleica em "Pantanal", Aline Borges conta que já viveu relacionamento abusivo (Foto: Globo/João Miguel Júnior)

Intérprete de Zuleica, segunda esposa de Tenório (Murilo Benício) em "Pantanal", Aline Borges revelou que já precisou lidar com tipos parecidos com o marido nas telinhas. A atriz revelou ter tido um relacionamento abusivo na juventude e elogiou a trama de Bruno Luperi por não rivalizar a sua personagem com Maria Bruaca, vivida por Isabel Teixeira.

"Tenho 47 anos e já errei muito nos meus relacionamentos. Na minha juventude, tive relacionamentos que olho pra trás hoje e me pergunto: por que me submeti a isso?", relembrou em entrevista ao UOL. "Sou uma mulher inteligente e para frente, mas em algum lugar a minha autoestima devia estar ferida. Eu vivi uma situação tóxica, de violência, machismo e opressão. Me permiti viver um relacionamento desse por dois anos."

"Quantas mulheres hoje estão olhando a novela e se identificando tanto com a Bruaca quanto com a Zuleica e dizendo: 'eu não quero isso para mim'. A arte tem esse poder", continuou a atriz. "Que a gente entenda o nosso poder e não abaixe a cabeça para homem nenhum. Que não exista mais espaço para rivalidade. Graças ao feminismo, a gente vê que precisa dar as mãos. Quando a Zuleica dá as mãos para a a Maria Bruaca na novela, ela está dizendo ao Brasil que nós precisamos estar juntas. Assim, vamos longe."

Na conversa, Aline também revelou que temeu a rejeição do público à sua personagem, já que ela afetaria diretamente a história de Maria Bruaca, que se tornou a favorita do público. No entanto, o caminho tomado na história, para ela, tirou a novela do lugar comum e abriu espaço para que os espectadores simpatizassem com Zuleica:

"Achei que o público ia querer tacar pedra na Zuleica porque a Mari Bru é a namoradinha do Brasil - ela tem um magnestimo em sua história e na construção da Bel, que eu tiro o chapéu. Ela é uma artista muito potente e visceral", elogiou a atriz. "Mas quando a Zuleica abriu a boca para defender essa mulher, as pessoas gostaram. Elas querem ver as mulheres se unindo. Se as colocasse rivalizando, seria mais do mesmo."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos