‘Alegações de fraude fiscal são falsas’, diz Shakira

Shakira contesta acusações de fraude fiscal credit:Bang Showbiz
Shakira contesta acusações de fraude fiscal credit:Bang Showbiz

Shakira afirmou que as alegações de fraude fiscal feitas contra ela são "falsas".

A estrela pop, de 45 anos, está sendo acusada de fraude e pode pegar até oito anos de prisão depois de supostamente acumular seis acusações separadas de fraude fiscal, totalizando £ 12.2 milhões, mas decidiu lutar contra as acusações e insistiu que não passou mais de 183 dias no país, o que levaria o governo espanhol a contá-la como cidadã oficial.

Ela disse: "Eu tenho que lutar pelo que acredito, porque são acusações falsas. Em primeiro lugar, eu não passava 183 dias por ano naquela época. Eu estava ocupada cumprindo meus compromissos profissionais ao redor do mundo. Segundo, paguei tudo o que eles alegaram que eu devia, mesmo antes de entrarem com uma ação judicial. Então, a partir de hoje, devo zero a eles. E, finalmente, fui assessorada por uma das quatro maiores empresas especializadas em impostos do mundo, a PricewaterhouseCoopers, então eu estava confiante de que estava fazendo as coisas de forma correta e transparente desde o primeiro dia."

A cantora do sucesso 'Objection' - que também está enfrentando uma multa de £ 19.2 milhões - passou a descrever as alegações feitas pelo governo espanhol como "fictícias" e afirmou que as autoridades costumam fazer isso com celebridades e também com o "contribuinte regular". "

Ela acrescentou à ‘ELLE’: "No entanto, mesmo sem evidências para apoiar essas alegações fictícias, como costumam fazer, eles recorreram a uma campanha de imprensa lasciva para tentar influenciar as pessoas e pressionar a mídia junto com a ameaça de

danos à reputação para coagir acordos de liquidação. É sabido que as autoridades fiscais espanholas fazem isso muitas vezes não apenas com celebridades como eu (ou [Cristiano] Ronaldo, Neymar, [Xabi] Alonso e muitos mais), mas também acontece injustamente com o contribuinte regular. É apenas o estilo deles. Mas estou confiante de que tenho provas suficientes para apoiar meu caso e que a justiça prevalecerá a meu favor.”