Álcool nos ajuda a falar melhor uma língua estrangeira, aponta estudo

Reprodução/Instagram @sofiavergara

Por mais difícil que seja aprender um novo idioma, quando bebemos um pouco a mais costumamos nos sentir seguros para testar nossas habilidades de linguagem estrangeira. E de acordo com um estudo recente, isso não é coisa da nossa cabeça.

Pesquisadores das universidades de Liverpool, Maastricht e King’s College London, descobriram que as pessoas falam melhor outras línguas após consumir alguns drinks. Eles analisaram 50 nativos da Alemanha que começaram a aprender holandês, e os participantes tinham que iniciar uma conversa no novo idioma após a ingestão de bebidas com e sem álcool.

As conversas foram realizadas com nativos holandeses, que não sabiam quais participantes haviam consumido bebidas alcoólicas. Os cientistas descobriram que aqueles que estavam levemente embriagados tinham melhor pronuncia dos que se mantiveram sóbrios.

“Nosso estudo mostra que o consumo de álcool pode ter efeitos benéficos na pronúncia de uma língua estrangeira em pessoas que recentemente aprenderam esse idioma”, diz Inge Kersbergen, um dos envolvidos no estudo.

Mas ele continua dizendo que o abuso de álcool pode ter efeito contrário. “É importante ressaltar que os participantes desse estudo consumiram uma dose baixa. Níveis mais altos podem não ter efeitos benéficos na pronúncia de uma língua estrangeira”. Beba com moderação.