‘Agente Oculto’: Chris Evans convence como vilão?

Depois de uma década como Capitão América nos filmes da Marvel, Chris Evans quer sair do papel de "bom moço". O ator até tenta em 'Agente Oculto', onde interpreta Lloyd Hansen, uma espécie de mercenário sem escrúpulos. A pergunta é: alguém se convenceu dele como antagonista?

Sobre 'Agente Oculto'

'Agente Oculto' é, até o momento, o filme mais caro da história da Netflix. Apesar de ter custado mais de 1 bilhão de reais, a ação estrelada por Ryan Gosling e grande elenco não conseguiu desbancar outras apostas de 2022 da plataforma e foi menos assistido que 'Alerta Vermelho', com The Rock, e 'Não Olhe para Cima'. Mesmo assim, a empresa já confirmou uma continuação e um spinoff do longa.

O filme conta a história de Court Gentry (Ryan Gosling), um detento que é recrutado pelo CIA para ser treinado em um grupo de assassinos do governo. Quando ele descobre que matou um membro do mesmo esquadrão dele em uma missão, começa a desconfiar do diretor de operações, Denny Carmichael (Regé-Jean Page).

Carmichael, que está atrás de um pendrive com informações sigilosas, coloca o imoral Lloyd Hansen (Chris Evans) para caçar Sierra Seis, custe o que custar.

Este vídeo é um corte do Pod Assistir, nosso podcast sobre o melhor do entretenimento e do streaming. Confira na íntegra:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos