Adele relembra lesão na região do cóccix após pegadinha do filho

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) A cantora Adele, 34, revelou em uma recente entrevista que teve uma séria lesão na coluna, na região do cóccix, devido a uma pegadinha de seu filho, Angelo, 9. Segundo a artista, ela estava saindo do banheiro quando foi surpreendida por ele, que pretendia assustá-la.

Ela conta para a Elle Magazine que se assustou e caiu no chão, batendo o cóccix. O incidente foi grave para a cantora, que já havia lesionado as costas quando era adolescente. A artista afirma que a pegadinha aconteceu em janeiro de 2021, quando seu filho tinha 8 anos.

Ainda na entrevista, ela comentou sobre a volta aos palcos em sua residência em Las Vegas. "Depois de uma eternidade descobrindo a logística para o show que eu realmente quero entregar, e sabendo que isso pode acontecer, estou mais animada do que nunca."

As apresentações de "Weekends with Adele" foram adiadas após membros da equipe contraírem o vírus da Covid-19, elas deveriam ter iniciado em janeiro. Porém, a cantora não compartilhou se a lesão terá algum impacto nos próximos shows, que devem ocorrer até março de 2023.

Na época, Adele chorou ao comunicar o cancelamento. "Ficou impossível terminar o show [...] Estou realmente envergonhada e sinto muito por todos que terão que viajar de novo. Sinto muito, muito", afirmou, em um vídeo publicado em seu Instagram.

Adele lançou em novembro do ano passado o aguardado álbum "30". A cantora é conhecida por batizar seus trabalhos com números: "19", lançado em 2008, "21", de 2011, e "25", de 2015 —todos que representam momentos significativos que passou quando tinha a idade indicada no nome do álbum.