Adele pode perder R$ 740 milhões para ex-marido em divórcio

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Adele e Simon (Foto: Getty Images)
Adele e Simon (Foto: Getty Images)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A cantora Adele, 30, pode ter de dividir a fortuna de R$ 740 milhões com o agora ex-marido, Simon Konecki, 45. O casal terminou um casamento de sete anos. De acordo com o Daily Mirror, o ex-casal não fez nenhum contrato antes de subirem ao altar, em 2016.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

O veículo informa que fontes próximas a Adele confidenciam que a relação de ambos estava se arrastando já havia algum tempo. Enquanto a cantora adorava sua nova vida nos Estados Unidos, sempre rodeada de amigas, Konecji preferia morar no Reino Unido mais perto de seus familiares.

Dois meses antes de a separação acontecer, Adele, segundo o Radar Online, deu uma casa para ele para que pudesse se hospedar nos momentos em que quisesse visitar o filho do casal, Angelo. Por mais que tenham ido cada um para um lado, ambos continuam amigos e devem criar o menino juntos.

Um bom termômetro o de que o relacionamento não ia bem aconteceu durante a cerimônia do Brit Awards 2019. Naquele dia, Konecki foi ao evento na companhia de um amigo sem a presença de Adele.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos