'Achei que ia morrer', revela Norman Reedus sobre acidente em set de filmagem de 'The Walking Dead'

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Já se passaram seis meses após o grave acidente que sofreu durante um set de filmagem de "The Walking Dead", mas Norman Reedus ainda não esqueceu o episódio. O intérprete de Daryl Dixon na série de zumbis revelou que a situação foi mais grave do que o noticiado na época. "Nossa, foi horrível. Para mim, tudo aquilo foi assustador e aterrorizante. Eu achei que ia morrer", contou o ator.

Reedus continuou detalhando a cena assustadora da última temporada de "The Walking Dead". Foi terrível Fui atingido no rosto e na cabeça um milhão de vezes na carreira[...] Mas essa foi a mais grave", relembrou o ator que disse ainda ter tido uma concussão cerebral, um tipo de alteração da função mental ou do nível de consciência, causada por um traumatismo craniano.

"Tinha uma equipe médica à minha disposição. Eu estava segurando as paredes andando pelos quartos para não cair. Foi uma loucura.", observou em entrevista a Entertainment Weekly.

O ator precisou realizar uma série de exames para verificar que não havia sofrido danos mais graves no cérebro. Reedus também contou que se sentiu mal por ter se afastado das filmagens. "Estava filmando há mais de um ano, e tivemos que adiar algumas das gravações porque eu estava de cama. Então, fiquei me sentindo culpado de não estar no trabalho e a equipe sem saber quando poderia retornar. Fiquei incomodado", explicou o ator americano que já atuou em "Santos Justiceiro"' (1999), "Blade II: O Caçador de Vampiros" (2002) e "'Sky" (2015).