7 dicas para não errar mais nas compras pela internet

·5 min de leitura
Compras pela internet como não cair em uma cilada (Foto: Getty Images)
Compras pela internet como não cair em uma cilada (Foto: Getty Images)

Por Robert Lucian

Nos últimos dez anos, as compras online se tornaram cada vez mais presentes na nossa rotina. Se um dia a ideia de adquirir um produto qualquer pela internet pareceu absurda, hoje negócios que não operam digitalmente é que causam estranhamento.

Nossa maneira de consumir mudou tanto que muitas marcas sequer têm loja física e apostam apenas no e-commerce e nas redes sociais como canais de venda. Pesquisas recentes apontam que essa realidade tende a se consolidar cada vez mais e a moda está entre os segmentos mais promissores.

Leia também

Em 2020, impulsionado pelo distanciamento social e demais protocolos de segurança no combate à COVID-19, o e-commerce de moda no Brasil cresceu 95,27%. Mas o setor já vinha investindo em melhorias para a experiência de compra no ambiente digital muito antes disso. Ao longo da última década, houve otimização da logística de entrega, trocas e devoluções, diversificação dos canais de acesso e comunicação e inúmeras outras iniciativas de aperfeiçoamento.

Ainda assim, para muita gente comprar roupas pela internet é como dar um tiro no escuro. Mesmo quem já é habituado sofre com surpresas desagradáveis na hora da entrega e a outras experiências negativas.

Por isso preparamos algumas dicas para você que ainda se sente insegura na hora de comprar roupas pela internet ou sequer criou coragem para experimentar. Confira!

Atenção à tabela de medidas

Checando os tamanhos (Foto: Getty Images)
Checando os tamanhos (Foto: Getty Images)

O tamanho é a principal dúvida de quem faz compras online. A falta de padronização dos tamanhos e medidas no Brasil não é novidade e dificulta muito a vida do consumidor. Mesmo com as facilidades oferecidas pelas marcas, raramente nos dispomos a solicitar a troca ou devolução e a roupa acaba se tornando mais uma peça parada no nosso armário. O melhor a se fazer para evitar esse transtorno é consultar a tabela de medidas para escolher o tamanho adequado. Se ainda tiver dúvidas ou não encontrar informações suficientes, entre em contato com a marca.

Conheça seu armário

Saiba o que tem no seu armário (Foto: Getty Images)
Saiba o que tem no seu armário (Foto: Getty Images)

Falando em peças paradas, conhecer seu guarda-roupa é essencial para fazer compras assertivas. Pense na dinâmica da peça desejo no seu armário. Avalie se há possibilidades variadas de combinações, se você já não tem peças muito parecidas, que cor funciona melhor dentro da paleta do seu guarda-roupa, em que situações da sua rotina essa roupa se encaixa. Se precisar, tome um tempinho na frente do seu armário com o celular em mãos olhando a foto do produto e se fazendo essas perguntas. Essa é uma grande vantagem de fazer compras online.

Leia com atenção

Comprar um produto sem observar a descrição é quase como assinar um contrato sem ler. Não faça isso! A principal informação que você deve buscar é a composição da peça. Saber de que tecido ela é feita é essencial para avaliar se ela é adequada ao clima da sua cidade e se vale o preço cobrado. Observe também se há necessidade de cuidados especiais, como lavagem a seco, principalmente para roupas mais caras.

Fotos mil

Quanto mais fotos melhor (Foto: Getty Images)
Quanto mais fotos melhor (Foto: Getty Images)

Navegue por toda a galeria de fotos do produto e observe todos os ângulos possíveis. Isso é importante para ter uma perspectiva mais completa e próxima da realidade. Abuse do zoom para explorar os detalhes também. São eles que indicam a qualidade do acabamento da peça e isso pode influenciar, além da estética, na durabilidade do item.

Aproveite os filtros

Cuidado com o carrinho (Foto: Getty Images)
Cuidado com o carrinho (Foto: Getty Images)

A experiência online já é tão próxima da que se tem em lojas físicas que até aqueles episódios em que a gente pretendia comprar só uma blusinha e acaba saindo com sacolas e mais sacolas se repete no ambiente virtual. Quem nunca? Conte com os filtros para direcionar melhor sua navegação e evitar que isso aconteça. Se tiver muita certeza do que quer, um vestido midi lavanda, por exemplo, use a ferramenta de busca para poupar tempo e de quebra evitar a tentação.

Olha o golpe!

Existe uma infinidade de marcas pequenas e autorais que vale a pena conhecer e apoiar. Muitas vezes os preços são mais em conta que os de marcas conhecidas e a qualidade ainda mais alta. As redes sociais são a principal vitrine desses pequenos negócios. Infelizmente, contas falsas aplicam golpes com a venda de produtos que nunca são enviados aos consumidores. Por isso, atenção redobrada às compras em redes sociais. Acompanhe o perfil durante algum tempo antes de realizar a compra e busque informações sobre o vendedor. Observe as interações que acontecem principalmente nos comentários e visite os perfis dos seguidores para saber se são reais. Dê prioridade a contas que utilizam as ferramentas de compra disponibilizadas pela plataforma e evite os que só recebem pagamento por meio de transações bancárias.

Fique atenta à política de trocas e devoluções

De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, você tem direito a fazer a devolução de qualquer produto comprado fora do estabelecimento comercial, como é o caso do e-commerce, no prazo de sete dias, independentemente de defeito. A maioria das marcas não só respeita como oferece um prazo ainda mais extenso para solicitação de troca ou devolução. Observe a data limite e faça uso do seu direito ao arrependimento sempre que for necessário.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos