5 vezes em que Pabllo Vittar nos deu muito orgulho

Pabllo Vittar (Foto: Kate Green/Getty Images)

Pabllo Vittar deveria ser um patrimônio cultural da humanidade. A drag queen, que já bomba no nosso país, está fazendo seu nome mundo afora e nos enche de orgulho! A cantora arrasou ao ganhar mais um reconhecimento internacional no último domingo (3): ela ganhou o prêmio de Melhor Artista Brasileiro no MTV EMA 2019. Uau!

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

Sabe aquele ditado popular que diz “agora a Pabllo foi longe demais”? Então... Ela sempre ultrapassa o “longe demais” e prova que é uma das grandes artistas brasileiras da atualidade.

Leia também

Pabllo já cantou na ONU, brilhou nas paradas LGBTQ+, ultrapassou RuPaul no Instagram e ainda tem muito que fazer. Listamos as cinco vezes em que ela mereceu o nosso parabéns:

Primeira drag queen premiada no MTV EMA

Dias depois de lançar a primeira parte do seu terceiro álbum, ‘111’, Pabllo foi até a Espanha para receber se apresentar no MTV EMA 2019 e receber o prêmio de Melhor Artista Brasileiro. A hitmaker foi a primeira vez drag queen a se apresentar e a ganhar um troféu na premiação gringa. Ela concorreu ao lado de Anitta (vencedora das últimas cinco edições), Ludmilla, EmicidaKevin O Chris.

Pabllo ganha prêmio de Melhor Artista Brasileiro no MTV EMA 2019 (Foto: Daniele Venturelli/WireImage)

A drag queen com mais seguidores no Instagram

Não tem para ninguém: a nossa musa desbancou nomes como RuPaul, Bianca del Rio e Shangela e se tornou a drag queen com o maior número de seguidores no mundo inteiro. Pabllo conta com quase 9,5 milhões de fãs na rede social.

Musa das paradas LGBTQ+ internacionais

Pabllo marcou presença nas principais paradas gringas de 2019. Em vez de se apresentar no Brasil, ela fez uma maratona nos EUA e passou por Los Angeles, Nova York, Boston, São Francisco e Orlando. A cantora também mostrou todo o seu poder no desfile de Toronto, no Canadá. Ícone sem fronteiras!

Pabllo Vittar durante apresentação na parada LGBTQ+ de Los Angeles, nos EUA, em junho deste ano (Foto: Amy Sussman/Getty Images)

Líder da próxima geração segundo a revista ‘Time’

Com apenas quatro anos de carreira, Pabllo foi apontada pela revista norte-americana como uma das 10 pessoas que serão líderes da próxima geração. A estrela pop chamou atenção da publicação não só pelo seu trabalho na música, mas também pelo ativismo pela comunidade LGBTQ+.

Apresentação na ONU em homenagem à rainha Elizabeth II

Os haters podem chorar: em junho deste ano, Pabllo cantou até na sede da ONU em Nova York em um evento em homenagem aos 93 anos da rainha Elizabeth II. Ela fez um pocket show na celebração e comemorou muito o feito - com toda razão, né? Isso é representatividade! “Vai ter viado na ONU, sim”, disse na época.

Pabllo Vittar na ONU em junho deste ano (Foto: Reprodução/Instagram @pabllovittar)