5 motivos que fazem Luísa Sonza ser um sucesso; o corpo não é um deles

Luisa Sonza em show no Espaço das Américas, em São Paulo, em novembro de 2019 (Foto: Mauricio Santana/Getty Images)
Luisa Sonza em show no Espaço das Américas, em São Paulo, em novembro de 2019 (Foto: Mauricio Santana/Getty Images)

Luísa Sonza é um acontecimento. Mulher forte, que fala e faz o que bem entende. A cantora e compositora iniciou sua carreira cantando em festivais da canção e aos sete anos foi contratada pela banda Sol Maior, realizando diversos eventos com o grupo até completar 17 anos.

Em 2014, Sonza criou seu próprio canal no YouTube, onde passou a publicar versões cover de músicas de vários artistas, o que a fez ganhar visibilidade na internet. Em 2017, assinou com a Universal Music.

De lá para cá, a cantora esteve sob holofotes por sua vida pessoal — casamento (e divórcio) com o humorista Whindersson Nunes e seu relacionamento com o cantor Vitão — e pelos passos dados na carreira. Em 2021, Luísa lançou o elogiado "Doce 22", apresentando seu talento também como produtora, mas ainda é constantemente criticada por suas letras e performances sensuais.

O episódio mais recente ocorreu neste mês, quando o apresentador e humorista Danilo Gentili fez um comentário machista ao dizer que a artista só era famosa por ter namorado um homem reconhecido e por rebolar de fio dental. Vale lembrar que a própria cantora decidiu mudar seus figurinos para mostrar que faz boas performances independente das peças de roupa.

Em meio a esses e outros exemplos, o Yahoo fez uma lista de cinco motivos que fazem Luísa Sonza ser famosa. Spoiler: não é pelo corpo. Confira:

Sucesso no Spotify

A cantora é sucesso absoluto na plataforma de streaming. Seu último sucesso, “SentaDONA (remix)”, alcançou em março o topo da parada. A faixa foi gravada com Davi Kneip, Mc Frog e DJ Gabriel do Borel.

Além disso, em 2021, o álbum 'Doce 22',se consagrou como o álbum nacional feminino mais ouvido do ano no Spotify Brasil, ficando na oitava colocação do ranking geral. Entre os hits mais reproduzidos estão: "pPenhasco", com 40 milhões de streams, "VIP", com 28 milhões, e "Interesseira", com 23 milhões.

Carreira Internacional, lá vou eu

Visionária, a cantora assinou contrato com a Sony que cuidará de sua imagem e de sua carreira nacional e internacional. O novo acordo, estimado em R$ 100 milhões, é um dos maiores do mercado fonográfico nacional e tem como meta atingir novos mercados no exterior para a artista.

Empreendedora? Ela também é

Na semana passada, foi anunciada a parceria entre Luísa e a marca Dailus para o lançamento de uma linha de esmalte. A linha é inspirada na sua carreira e as seis cores da coleção possuem nomes das suas canções.

Luisa Sonza em show no Espaço das Américas, em São Paulo, em novembro de 2019 (Foto: Mauricio Santana/Getty Images)
Luisa Sonza em show no Espaço das Américas, em São Paulo, em novembro de 2019 (Foto: Mauricio Santana/Getty Images)

Ela não tem medo de se posicionar

Seja sobre sua sexualidade, relacionamentos, política ou sua saúde mental, Luísa mostra que assim como na sua música ela é braba mesmo. Na quinta-feira (9), ela se posicionou contra marcas que não contratam artistas e influencers que se posicionam politicamente. No Twitter, ela escreveu “ Não quero viver em um país burro”. Ela também já se assumiu bissexual e falou dos seus problemas de saúde mental.

Ela arrasou na Virada Cultural de São Paulo

Com uns dos cachês mais caros da edição, Luísa fez um show para mais de 100 mil pessoas. Seu setlist estava recheado de sucessos - “Braba”, “Modo Turbo” e “Combatchy”, entre outros. Além disso, ela foi responsável por expulsar um rapaz transfóbico da sua apresentação, pedindo para os seguranças retirarem o homem do local.