25 anos sem Diana: os detalhes sombrios e as teorias da conspiração sobre a morte da princesa do povo

Getty Images
Getty Images

Na madrugada do dia 31 de agosto de 1997, o mundo chorou em uníssono a morte chocante e inesperada de uma das personalidades mais influentes do século XX: Diana Spencer, a princesa de Gales, aos 36 anos.

25 anos depois da fatalidade, o legado filantrópico, o carisma inigualável e o impacto atemporal no mundo da moda ainda são discutidos na sociedade e se transformaram em temas de documentários, filmes ficcionais, como o indicado ao Oscar, "Spencer", e muitos outros materiais para não deixar o nome de Diana cair no esquecimento.

Apesar do legado indiscutível deixado por Diana, a morte da princesa do povo ainda rende muitas especulações. Seja baseado em informações reais ou através de meras suposições, tem quem acredite que o grave acidente que matou a ex-mulher do Príncipe Charles e mais duas pessoas não foi uma fatalidade.

Mas, afinal, o que aconteceu naquele 31 de agosto e de onde vem tantas teorias da conspiração? Acompanhe!

O ACIDENTE QUE MATOU A PRINCESA DIANA

Diana chegou em Paris na tarde do dia 30 de agosto de 1997, um sábado. Ela estava na cidade na companhia do novo namorado, Dodi Al Fayed, filho de um bilionário egípico. O relacionamento havia se tornado público no mês anterior, quando o casal foi flagrado durante um passeio de lancha no verão europeu.

Diana e Dodi jantaram no Hotel Ritz e, por volta...

Veja mais


Veja também

Princesa Diana: saiba quais foram as últimas palavras da Princesa do Povo instantes antes da morte
Influencer Aline do Borel é encontrada morta aos 28 anos em praia de Araruama. Detalhes
Thales Bretas festeja 2 anos do filho Romeu e detalhe sobre Paulo Gustavo se destaca. Vídeo!